COOPERATIVA AGROPECUÁRIA CENTRO SERRANA

ROD. PEDRO COLA, KM 4,5 - (28) 3546-1566

VENDA NOVA DO IMIGRANTE - ES

CNPJ: 27.942.085/0042-51

Fátima Beize

NO MUNICÍPIO MAIS POMERANO DO ESPÍRITO SANTO, FÁTIMA BEIZE DE OLIVEIRA, DE 33 ANOS, SE DESTACA PELA PRODUÇÃO DE ALTA QUALIDADE. PELOS RESULTADOS DOS ÚLTIMOS DOIS ANOS NESSE RAMO, A CAFEICULTORA ACABOU INFLUENCIANDO A VIZINHANÇA EM SÃO LUIZ, A 7 KM DO CENTRO DE SANTA MARIA DE JETIBÁ, NAS MONTANHAS CAPIXABAS. 


FÁTIMA CONTA QUE O PAI SEMPRE PRODUZIU CAFÉ, MAS NÃO DE QUALIDADE. COM A MORTE DO ÚNICO IRMÃO, HÁ SETE ANOS, ELA NÃO VIU OUTRA SAÍDA PARA A CONTINUIDADE DA ATIVIDADE NA FAMÍLIA. INFLUENCIADA PELO MARIDO ELIVELTON DE OLIVEIRA (40), DEGUSTADOR E CLASSIFICADOR DE CAFÉ, RESOLVEU PRODUZIR CAFÉS FINOS A PARTIR DE 4 HÁ DE TERRA.


A FONTE DE VALIOSOS GRÃOS SÃO PLANTAS COM SEIS ANOS DE IDADE CULTIVADAS AOS PÉS DE UM PAREDÃO ROCHOSO NA PARTE CENTRAL DA PROPRIEDADE. COLHENDO SÓ GRÃOS MADUROS EM TRÊS “PANHAS”, ENTRE JUNHO A AGOSTO DESTE ANO, A PLANTAÇÃO RENDEU SACAS QUE ATINGIRAM BEBIDAS DE NOTA ATÉ 88. DA SAFRA GERAL, QUASE 60% É DE CAFÉS DE QUALIDADE. 
“O SEGREDO É TRAZER O CAFÉ NO MESMO DIA DA COLHEITA PARA DESPOLPAR ATÉ DE NOITE. E O MANEJO NO TERREIRO COBERTO DEVE ACONTECER DE HORA EM HORA PARA NÃO FERMENTAR. SEMPRE PENSEI EM FAZER QUALIDADE, MAS NÃO TINHA ESTRUTURA”, DIZ FÁTIMA, MÃE DO EVANDRO (15), CAMILA, DE OITO; E LETÍCIA, DE TRÊS ANOS.


ALÉM DISSO, A CAFEICULTORA ADOTOU MEDIDAS SUSTENTÁVEIS, A EXEMPLO DO REAPROVEITAMENTO DA ÁGUA DA DESPOLPA E UTILIZAÇÃO DA CASCA DO CAFÉ COMO ADUBO, ESSA ÚLTIMA UMA EXCELENTE FORMA DE MANTER A UMIDADE DO TERRENO E GARANTIR NUTRIENTES PARA A PLANTA.

INFORMAÇÕES DA FAZENDA

 

Altitude

950

Processo de produção

Colheita seletiva

Peneira

15 A/C

Variedade do lote

Catuaí Vermelho e Amarelo